Subscribe Now

Trending News

17 Out 2021

Arranque de luxo no Festival de San Sebastián
Newsflash

Arranque de luxo no Festival de San Sebastián 

 

Bom cinema na abertura de Donostia 69

 

 

Para lá do sol sereno antes da chuvada malvada, na abertura da 69a edição do Festival de San Sebastián sobrou a elegância de Marion Cotillard, vencedora do prémio Donostia e aqui para promover o filme Bigger than Us, que promoveu. Isso e a simpatia de Antonio Banderas e Penelope Cruz, juntos no maior festival de espanhol para promover Competencia Oficial, que em vez de estar na seleção oficial passou na abertura da secção Pérolas.

E é uma pérola total esta sátira ao mundo do cinema. Um regresso em estado de graça da dupla Mariano Cohn e Gáspar Duprat. Uma comédia ácida sobre o que é mais ridículo no showbizz do cinema espanhol. Um filme sacana que dá a Oscar Martinez uma interpretação divinal na pele de um ator “cagão” argentino.

Mas a verdadeira bomba deste arranque foi o primeiro filme da seleção oficial, One Second, do consagrado Zhang Yimou, aqui a filmar a China em plena Revolução Cultural. Uma espécie de Cinema Paraíso chinês filmado com uma ternura magoada.

Também na competição, outro filme forte, Maixabel, da espanhola Iciar Bollaín, uma história verdadeira sobre uma viúva a tentar entrar em contacto com os assassinos da ETA que mataram o marido. O que podia ser um dramalhão atafulhado de pieguice torna-se numa peça de catarse que vai emocionar a Espanha. Não está, infelizmente com distribuidor em Portugal…

 

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *